O Banco Central e o “ônus exorbitante”

“Privilège exorbitant” é termo que ilustra o benefício dos Estados Unidos por emitirem a moeda global. Nesse Relatório Econômico, em oposição, falaremos do Brasil, que circunstancialmente e por suas peculiaridades, deixa de se beneficiar por uma bonança global.